BIOGRAFIA

PROFESSOR SÉRGIO
 
Sérgio Rodrigo de Oliveira - natural da cidade de Porto Ferreira (SP), nasceu no dia 10 de fevereiro de 1977. É filho de Sérgio de Oliveira e de Maria Lúcia Scorsolino de Oliveira; casado com Marcela Bezerra Leal de Oliveira e pai do garoto Lucas.
Formado em Educação Física, no ano de 2000,  pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras, de São José do Rio Pardo (SP), integrou a primeira turma da disciplina. Atualmente, leciona na Escola Estadual Washington Luiz e atua como árbitro da Liga Ferreirense de Futsal, fundada por ele em 2006. Cumpre seu primeiro mandato como vereador de Porto Ferreira pelo Partido Democratas (DEM), até 2020.
Esforçado e dedicado, Sérgio teve sua adolescência marcada pelo trabalho iniciado como balconista na antiga Droga Centro, aos 14 anos de idade, onde permaneceu por 12 anos.  Depois de formado começou a lecionar em 2002, passando por várias escolas da rede pública Estadual e Municipal de Porto Ferreira.
Em 2003, tornou-se o coordenador do Programa Escola da Família (Programa do Governo Estadual), pelo qual, por sete anos atendeu inúmeras famílias e alunos aos finais de semana, na Escola Estadual “Profa. Pedrina Pires Zadra", no Bairro Vila Sibila; oferecendo atividades culturais, esportivas, de lazer e de Qualificação para o Trabalho. Esse programa o aproximou da comunidade ferreirense levando-o a entender melhor seus anseios e necessidades.
Sempre envolvido com o Esporte, mais precisamente à modalidade de Futsal e, como técnico da equipe ferreirense possibilitou a conquista do campeonato da Taça EPTV de Futsal em 2004 e, em 2005 o bicampeonato. Em 2006 fundou a Liga Ferreirense de Futsal, na qual esteve à frente como presidente até o ano de 2016. Além do Esporte, como professor, Sérgio também levantou bandeiras em defesa da Educação e da Saúde.
A popularidade e o carinho com os ferreirenses trouxe a oportunidade de fazer mais pela comunidade, disputando uma vaga para vereador nas eleições de 2008 e 2012, eleito primeiro suplente em ambas. Nas eleições de 2016 foi eleito novamente primeiro suplente e diplomado vereador. A política sempre fez parte de sua vida desde muito cedo tendo trabalhado em várias campanhas eleitorais de deputados, em paralelo ao seu trabalho como docente.
Sérgio é quem está dando continuidade e suporte à realização dos campeonatos de Futsal e Society nos bairros de Porto Ferreira, depois de terem perdido o apoio do poder público municipal. Desde que foi eleito vereador enumera algumas vitórias a se comemorar, entre elas três bons projetos de leis aprovados e vigentes no município:
1-Lei Municipal nº 3.371 (23/08/2017) – dispõe sobre a obrigatoriedade das agências bancárias de Porto Ferreira a colocarem à disposição dos usuários, pessoal suficiente no setor de caixas para que o atendimento seja efetivado em tempo razoável: até 15 minutos em dias normais e até 30 minutos para vésperas de feriados e dias de pagamento de tributos.
2-Lei Municipal nº 3.398 (30/09/2017) – que institui o Programa de Prefeito e Vice-Prefeito Mirim nas Escolas da Rede de Ensino Pública e Particular de Porto Ferreira. A Lei tornou obrigatória a participação das escolas municipais que seguem um cronograma para alunos do 4º e 8º ano do ensino fundamental, com a realização de uma eleição interna no mês de maio de cada ano. O objetivo é despertar o exercício da cidadania aos estudantes, sensibilizando-os para a necessidade de contribuírem com seu trabalho junto à comunidade estudantil e fora dela, para a melhoria da vida.
3-Lei Municipal nº 3.405 (28/11/2017) – Institui o dia nove de agosto como o Dia do Voleibol Ferreirense, com o objetivo de comemorar e enaltecer a modalidade que é a segunda mais praticada no país e, que tem inúmeros participantes e adeptos em Porto Ferreira, além de atletas já consagrados. A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer fica incumbida de elaborar uma programação de atividades e ações em toda rede de ensino pública, particular e clubes, resultando em uma grande festa.
Além dessas leis aprovadas, Sérgio também é autor de mais dois anteprojetos que estão sob apreciação do executivo municipal. Entre eles um que versa sob a instituição do Dia da Fibromialgia (12 de maio), que trará palestras e orientações à população através de médicos especialistas, efetivando o atendimento preferencial aos portadores da doença em filas de bancos, lotéricas e estacionamentos; e o outro anteprojeto que cria o Programa de Prevenção e Combate ao Suicídio.
Atento às necessidades dos ferreirenses, Sérgio abraçou recentemente mais uma luta: contra a falta de professores na rede municipal de ensino, o que vem prejudicando os alunos em algumas matérias da grade curricular, trazendo preocupações aos pais.  Em busca de mais informações dos fatos, como vereador, encaminhou um requerimento ao executivo municipal para que se viabilize uma solução.